Ouça agora

Ao vivo

Fluminense ainda não decidiu se Daniel Simões fica no clube
Esportes
Fluminense ainda não decidiu se Daniel Simões fica no clube
Novos equipamentos da Comlurb ajudam na limpeza e na coleta domiciliar do Rio
Rio de Janeiro
Novos equipamentos da Comlurb ajudam na limpeza e na coleta domiciliar do Rio
Especulado no Flamengo, astro colombiano entra na mira de clube da Arábia Saudita
Destaque
Especulado no Flamengo, astro colombiano entra na mira de clube da Arábia Saudita
Caxias: Motociclista tem perna e braço amputados após ser arrastado por ônibus
Baixada Fluminense
Caxias: Motociclista tem perna e braço amputados após ser arrastado por ônibus
Lula desembarca na Arábia onde apresenta projetos de investimento
Política
Lula desembarca na Arábia onde apresenta projetos de investimento
Passista da Grande Rio, que teve o braço amputado após cirurgia para retirada de miomas, recebe uma prótese
Carnaval
Passista da Grande Rio, que teve o braço amputado após cirurgia para retirada de miomas, recebe uma prótese
Adutora rompe e água destrói casas em Nova Iguaçu
Baixada Fluminense
Adutora rompe e água destrói casas em Nova Iguaçu

Campo Grande e Barra da Tijuca terão salões permanentes do Hemorio para doação de sangue

Hemocentro recebeu, recentemente, investimentos do Governo do Estado para compra de equipamentos.
Foto: Reprodução

Ainda este ano, o Governo do Estado vai abrir dois salões permanentes do Hemorio na Zona Oeste da capital. A novidade foi anunciada durante a campanha Junho Vermelho e faz parte da estratégia de reduzir a distância entre os doadores e o segundo maior do hemocentro do país. Coordenado pela Fundação de Saúde (FS), a unidade recebeu, recentemente, R$ 5 milhões em investimentos em melhorias e equipamentos.

“Investimos para melhorar os serviços prestados pelo hemocentro e dar mais conforto aos doadores. Mas precisamos desse apoio da população, que só precisa ir aos postos fazer a sua doação, num gesto de solidariedade com o próximo. Uma única bolsa de sangue pode salvar até quatro vidas”, lembra o governador Cláudio Castro.

Os dois postos avançados permanentes vão funcionar no Hospital Eduardo Rabelo, em Campo Grande, e no Shopping Aerotown, na Barra da Tijuca. Mas quem mora na cidade do Rio de Janeiro não vai precisar esperar. Durante este mês de campanha, o Hemorio está com oito postos móveis de coleta espalhados pela capital.

“Trazer o HemoRio para as regiões mais distantes do Centro é muito importante. Temos estoques de sangue nos nossos hospitais preparados para atender à população. Trazer a saúde e nossos serviços para mais perto da população da zona Oeste é nosso compromisso. A doação é importante para salvar vidas e por isso precisamos manter os estoques sempre à disposição de quem precisa”, destacou o secretário, elogiando o trabalho das equipes do Hemorio.

A professora Elisângela da Silva aproveitou a campanha, iniciada no dia (14), para realizar a sua primeira experiência como doadora. O marido, com quem é casada há 24 anos, é doador regular há mais de 30 anos e foi quem a incentivou.

“Estou doando em nome do amor, celebrar a vida e o amor é isso, estar junto em tudo. Foi essa nossa promessa, na alegria e na tristeza, na saúde e na doença. Então, na doença e na necessidade de alguém, estamos juntos fazendo essa prova de amor para o próximo”, contou.

Poltronas novas e equipamentos modernizados

Os investimentos na modernização de equipamentos do Hemorio foram realizados, em 2022, por meio da Fundação de Saúde do Governo do Estado. Foram adquiridas novas poltronas de doação, que possibilitou ampliar as coletas de dar mais conforto ao doador; além de máquinas para realização ultrarrápida de hemocultura, kits para inativação de patógenos em plaquetas e plasma, citometro de fluxo para provas de compatibilidade pré-transplantes de órgãos, entre outros equipamentos.

O Hemorio abastece as principais emergências, maternidades e unidades de saúde da capital, além de enviar sangue, quando necessário, para hospitais em todo o estado. Atualmente, atende a mais de 200 unidades. Anualmente, o Instituto tem capacidade de coletar mais de 100 mil bolsas de sangue. Mas, constantemente, os estoques precisam de reposição, o que depende do gesto solidário dos cidadãos.

Confira a lista de locais e horários dos postos descentralizados de doação:

Dia 21/06 – Condomínio Le Monde
Horário: 10h às 15h
Endereço: Avenida das Américas, n° 3500 – Barra da Tijuca

Dia 21/06 – Carioca Shopping
Horário: 10h às 16h
Endereço: Av. Vicente de Carvalho, 909 – Vila da Penha

Dias 22 e 23/06 – Park Shopping Campo Grande
Horário: 10h às 16h
Endereço: Estrada do Monteiro, 1200 – Campo Grande

Dia 24/06 – Igreja Nova Vida em Itaguaí
Horário: 10h às 16h
Endereço: Rua Ismael Cavalcanti, n°13 – Itaguaí

24/06 – Igreja Católica São Pedro Jardim Primavera
Horário: 10h às 15h
Endereço: Estrada São Mateus, n° 375 – Duque de Caxias

Dia 28/06 – Barra Shopping
Horário: 10h às 16h
Endereço: Av. das Américas 4666 – Barra da Tijuca

Dia 28/06 – Condomínio do Edifício Castelo Branco
Horário: 10h às 16h
Endereço: Avenida República do Chile, n°230 – Centro

Dia 30/06 – Park Jacarepaguá
Horário: 10h às 16h
Endereço: Estrada de Jacarepaguá, n°6069 – Jacarepaguá

Requisitos para doar

– Portar documento oficial e original de identidade com foto e dentro do prazo de validade (RG, carteira profissional, carteira de habilitação).
– Ter entre 16 e 69 anos de idade.
– Pesar no mínimo 50kg.
– Estar em boas condições de saúde.
– Estar alimentado, porém sem refeições pesadas (gordurosas) nas três horas que antecedem a doação.